4 de jan de 2017

5 dicas para escolher uma carreira

Foto: Administradores,Com

Escolher uma carreira vai muito além dos testes vocacionais, é necessário avaliar diversos fatores. Veja 5 dicas para escolha da carreira:

1) Gostar

É comum que aqueles que estão optando por uma carreira pensem em quanto de ganho aquele segmento traz. Entretanto, esse não pode ser o primeiro critério para que uma carreira seja estabelecida. Na verdade, quando se decide uma carreira, o que se deve considerar primeiro é: eu gosto daquilo?
A afirmação de que os indivíduos passam boa porcentagem de todos os seus anos no trabalho é real. Muitos atuam de segunda a sábado. Aqueles que são autônomos, eventualmente, têm carga maior que 8 horas. Dessa forma, é vital que o segmento que o indivíduo escolher seja, de verdade, apreciado.

2) Quem trabalha?

Alguns têm muito apreço por determinada área, mas não a conhecem na realidade. Tomando a Medicina como uma ilustração: muitos desejam cursa-la porque apaixonam-se por conta de alguma série; entretanto, como é a Medicina? Para que um segmento seja conhecido além da sua eventual parte glamourosa é vital conversar com um profissional da área.
Aqueles que possuem algum amigo ou então parente que atua no segmento desejado podem conversar com eles para saberem mais da profissão. Outra possibilidade é usar os grupos relacionados a profissão, se apresentar e se questionar.

3) E os pais?

É claro que é o indivíduo quem define, efetivamente, a carreira. No entanto, os pais podem apresentar algumas opiniões e mesmo experiências que te auxiliarão. Importante esclarecer que, ao falar “pais”, pode-se estender aos amigos e a qualquer outro membro. Vital é que esse indivíduo que está decidindo a carreira possa conhecer o posicionamento daqueles que estão em seu círculo de convivência e confiança. Além disso proporcionar maior firmeza quando essa carreira for decidida, essas opiniões também ilustram outras possibilidades.

4) Ler

Além de conversar com aqueles que estão nesse segmento e de saber o que os pais e outros indivíduos importantes pensam, é imprescindível que leia sobre o assunto e que procure referências sobre aquela carreira. Existem variados artigos, entrevistas e vídeos, os quais se pode compreender o cotidiano de diferentes carreiras.

5) Finanças

A remuneração não pode ser a razão para um indivíduo estabelecer uma carreira. No entanto, é certo que ele deve conhecer as condições financeiras, por exemplo: para que um profissional x possa alcançar tal vencimento, ele deve estudar Y. Se um segmento é, efetivamente, o interesse, mas ele não proporciona rendimentos, uma indicação é buscar um setor alternativo e deixar aquele que se aprecia como algum hobby ou então um complemento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui