25 de jan de 2017

Estoque do Banco de Leite cai em 70 por cento neste período do ano

Foto: Secom 
Novas doadoras são esperança para abastecer a unidade
A captação de novas puérperas para abastecer o Banco de Leite do Complexo Materno-Infantil do Hospital da Mulher está sendo vista como a única solução para evitar o desabastecimento da unidade. Neste período do ano, quando muitas mães doadoras estão veraneando, o estoque cai em torno de 70% e pode se esgotar em até duas semanas.
Para se ter idéia da situação crítica pela qual passa o Bando de Leite do Hospital da Mulher, dos cerca de 1.500 a 2.000 ml captados diariamente, nas residências das mães doadoras, existem dias em que o volume gira em torno de apenas 150ml.
A coordenadora do Banco de Leite, Camilla da Cruz Martins, explica o motivo da queda no abastecimento de leite. “O período crítico se deve ao fato de estar entre três grandes festas, o Natal, Reveillon e o Carnaval, quando muitas doadoras estão viajando. Possuímos atualmente cerca de 60 mães cadastradas, mas boa parte está veraneando”, observou.

A diretora-presidente da Fundação Hospitalar de Feira de Santana, Gilberte Lucas, ressalta a qualidade do serviço ofertado pela unidade hospitalar da rede municipal, reconhecida nacionalmente. “O hospital oferece uma estrutura que resultou no reconhecimento com o título de Amigo da Criança, conferido pela Unicef, além do Banco de Leite atingir o Padrão Ouro, conferido pelo Ministério da Saúde e pela Fiocruz”, ressaltou.

Para reverter a situação, o Hospital da Mulher está apelando para as puérperas que possuírem leite em excesso para fazerem as doações. As interessadas podem ligar para os telefones (75) 3602-7156 e 3602-7181, das 7 às 19hs, de segunda a sexta-feira, ou aos sábados, das 7 às 13hs. Além de poderem fazer a doação no hospital, também têm como opção o serviço móvel que vai na casa das próprias doadoras.

Fonte: Secom / PMFS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui