17 de fev de 2017

Segurança do Paciente é debatida no Hospital Clériston Andrade



Coordenadores, diretores e representantes de todos os setores do Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA) participaram na manhã desta quarta-feira, 15 de fevereiro, de uma reunião no auditório da unidade, para debater Segurança do Paciente e alertar sobre a importância de todo o corpo de funcionários da unidade se envolver nas ações  voltadas para este tema.

De acordo com o diretor-geral do HGCA, Dr. José Carlos de Carvalho Pitangueira, várias ações já estão sendo desenvolvidas na unidade, com base no Plano Nacional de Segurança do Paciente, objetivando a garantia de uma assistência cada vez mais segura.  “Um erro em medicina pode custar uma vida, por isso precisamos estar cada vez mais envolvidos quando se trata de Segurança do Paciente. Diante da importância do tema traçamos metas e mudanças de atitudes que irão garantir ainda mais esse cuidado seguro aos nossos pacientes”, disse Pitangueira.

Segundo informações de Lucas Gouveia, integrante do Núcleo de Segurança do Paciente (NSP/HGCA), implantado em 2013, melhorias na identificação do paciente, prevenção de quedas e de úlceras por pressão, segurança na prescrição, uso e administração de medicamentos e ações simples como higiene das mãos, reduz o índice de infecções e promovem a segurança do paciente. “A unidade e seus servidores estão focados na construção de uma cultura organizacional voltada a segurança do paciente”, afirmou Lucas.

Fonte: ASCOM/HGCA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui