3 de abr de 2017

Evento mostra como empreendedores podem ter sucesso na gestão de bares e restaurantes



Edição do “Encontro com o Especialista” em Feira de Santana apontou tendências e oportunidades de mercado para o setor

Vívian Rodrigues


Donos de bares e restaurantes participaram do “Encontro com o Especialista” para saber mais sobre o cenário atual, tendências e oportunidades do segmento, bem como conhecer estratégias de como organizar o empreendimento. O evento aconteceu nos dias 28 e 29 de março, no auditório do Hotel Acalanto, em Feira de Santana.

Marinês Ribeiro é nutricionista e trabalha há um ano e meio em um restaurante da cidade, mas pensa em montar um negócio no segmento de alimentação fora do lar. O setor no qual ela quer iniciar vem na contramão da crise, registrando em 2016 um incremento de 3,47%, segundo a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel). “Foi enriquecedor, deveríamos ter encontros assim com mais frequência. Estamos num momento de crise, temos que ver os indicadores de mercado e usar a criatividade para se destacar nesse período”, afirmou após a participação no evento.


As perspectivas otimistas para esse ano foram apresentadas pelo consultor do Sebrae, Ênio Valli, com dicas para o empresário potencializar os serviços, como: aumentar a produtividade otimizando os processos na cozinha; buscar insumos mais baratos, mantendo a qualidade do produto e o ticket médio; ter um bom relacionamento com fornecedores e reduzir desperdícios na cozinha e manter uma equipe fidelizada. “Considere a gestão de pessoas como ferramenta vital para o seu estabelecimento. O negócio é a cara do dono. Se o funcionário não sorri lá na porta, é porque o dono não sorri. Então, que ambiente estamos proporcionando?”, indagou aos participantes.

A mudança de hábitos de brasileiros vem provocando novidades no setor, o que, para Ênio, torna essencial ao empresário fazer um planejamento mais assertivo e conhecer o público-alvo. “Surge uma nova geração de consumidores que está em busca de comida saudável e cada vez mais conectada à tecnologia, o que vem também aumentando os números de pedidos delivery por aplicativos de celular e contatos em redes sociais”, acrescentou.

O evento é uma parceria do Sebrae com o Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Feira de Santana (SindFeira) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), que apresentou as oficinas sobre organização e fluxo em cozinhas.

Para Getúlio Andrade, presidente do Sindicato, “essa discussão traz temas contemporâneos, atualiza as pessoas que trabalham no setor. O Sebrae, junto com os parceiros, sai na frente com esta iniciativa. É a famosa relação ganha-ganha”, pontuou.

De acordo com o gerente adjunto do Sebrae em Feira de Santana, Renato Lisboa, o Encontro, que faz parte do Sebrae Conecta, cumpriu o seu objetivo de mostrar novas perspectivas para os pequenos negócios no segmento de bares e restaurantes, e meios como o empresário deve posicionar o negócio no mercado com uma gestão profissionalizada. “Tanto para quem já tem o seu negócio como para quem sonha em abrir o próprio restaurante, mostramos que, para o empreendimento dar certo, é fundamental um bom planejamento”, frisou.

Destaque da primeira noite do evento “Encontro com o Especialista”, o renomado chef Beto Pimentel dividiu com os participantes sua experiência profissional à frente do restaurante Paraíso Tropical, em Salvador. Contou como prepara alguns dos famosos pratos serviços na sua cozinha africana, sempre diversificada e colorida, cheia de pratos saborosos e chamativos. Falou ainda sobre o seu pomar, que o permite trabalhar com ingredientes frescos diariamente. Ele também expressou seu olhar cheio de poesia para a arte culinária.

“A gastronomia tem que ser elaborada para os sentidos, mas ela tem que ter raiz e personalidade, e não tem limites. E se essa gastronomia vem permeada pela sustentabilidade, ela se torna uma cozinha consciente, criativa, saudável e até inteligente”, declarou o chef, que tem o talento reconhecido em países como Paris, China, África do Sul, Estados Unidos e Itália.

Sebrae Conecta

Após promover o encontro com especialistas, o próximo passo do programa Sebrae Conecta é captar empresas para obterem o acompanhamento de Medição de Desempenho Empresarial (Ferramenta MEDE), método de melhoria do desempenho empresarial que conta com 10 meses de assessoria gerencial, associada a 80 horas de consultoria.


-- 
Agência Sebrae de Notícias Bahia
(71) 3320-4557 / 4558
Central de Relacionamento Sebrae: 0800 570 0800
www.ba.agenciasebrae.com.br
www.twitter.com/sebraebahia

www.facebook.com/sebraebahia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui